Tributo ao Poeta

2 06 2010

“Desperdiçando o meu mel, devagarzinho, flor em flor entre os meus inimigos, beija-flor”. Se você reconhece esse trecho, certamente vai adorar o novo espetáculo que vai se apresentar no Teatro Cláudio Barradas.

“Codinome: O poeta está vivo”, mais que um espetáculo de dança contemporânea, é um tributo aos 25 anos da morte de Cazuza. Com suas letras polêmicas e forte personalidade, o músico virou um símbolo eterno da juventude dos anos 80. Toda essa energia é revivida pela Cia Athletica de Dança e pela banda Tio Nelson, nos dias 4,5, e 6 de junho, às 20h.

A trilha sonora será executada ao vivo pela banda, enquanto os bailarinos interpretam a homenagem ao jovem poeta. “Codinome: O poeta está vivo” trás consigo toda a irreverência e audácia de um histórico personagem, que fez da vida e da morte a sua própria obra. Imperdível!

  • Serviço:

Dias 4,5 e 6/06, às 20h

Teatro Universitário Cláudio Barradas

Rua Jerônimo Pimentel, 546 (Esquina com a Dom Romualdo de Seixas)

Ingresso : R$ 10,00 (inteira) e R$5,00(meia).

Para mais informações : (91) 3249-0373 (horário: 14h as 21h)

Texto: Caroline Soares – Assessoria TUCB

Anúncios




O que é belo e o que é feio?

26 04 2010

Espetáculo “taobonitodetaofeio” discute o que é beleza no mundo moderno


A Companhia de Investigação Cênica trás sua segunda montagem de “taobonitodetaofeio” de volta a cartaz de 7/05 a 16/05, sexta,sábado e domingo, no Teatro Universitário Cláudio Barradas. O espetáculo de dança contemporânea  busca um diálogo entre o teatro e a música sobre as estéticas do corpo.

No espaço experimental da Universidade, a Companhia vai oferecer ao público um diferente espetáculo a cada sessão. Toda noite, “taobonitodetaofeio” será montado com uma nova composição de elenco para a execução de diferentes cenas, no melhor estilo coringa (vários dançarinos vão interpretar o mesmo personagem ou coreografia). Esta foi a forma que a Companhia encontrou para oferecer experiências únicas para o público e preparar o seu elenco para as temporadas fora da cidade. Outro recurso diferente é o uso de animação gráfica, que será projetada durante o espetáculo.

Integram o elenco Alessandra Nogueira, France Moura,Danilo Bracchi, Breno Jhullyan, bailarino selecionado pelo projeto Conexão Dança, entre outros.

O objetivo da apresentação é levantar questões como “Beleza e feiúra estão nas coisas ou nos olhos de quem as vê?” e “O que é feio e o que é bonito?”.Desde o início da experimentação, estas perguntas foram usadas para provocar os intérpretes-criadores. O resultado: uma dramaturgia fragmentária, dinamizada por um desfile de imagens que revela padrões estéticos do cotidiano, percepções de indivíduos sobre si e o outro e o universo de sensações daí decorrentes. A primeira temporada de “taobonitodetaofeio” aconteceu em Outubro e Novembro no Teatro Cuíra. O espetáculo ganhou o prêmio Klauss Vianna de Dança (FUNARTE/Petrobras) em 2008.

  • Serviço:

De 7/05 a 16/05, sexta sábado e domingo, às 20h.

Teatro Universitário Cláudio Barradas Rua Jerônimo Pimentel, 546 (Esquina com a Dom Romualdo de Seixas)

Ingresso : R$ 20,00 (inteira) e R$10,00(meia).

Classificação etária : Para maiores de 18 anos ou com 16 anos acompanhado do responável.

Para mais informações : (91) 3249-0373 (horário: 14h as 21h)

Sites da companhia:

companhiadeinvestigaocnica.blogspot.com

taobonitodetaofeio.wordpress.com

conexaodanca.wordpress.com

——————————————————————————————-

Texto: Assessoria da Companhia Investigação Cênica [adaptado]

Fotos: divulgação





Dois espetáculos este domingo no TUCB

14 04 2010

A Cia. Moderno de Dança apresenta este domingo(18), às 20h, dois espetáculos no Teatro Universitário : “Vem-de-som” e “Luz em cena”.

“Vem-de-som” é o resultado de uma pesquisa do Instituto  de Artes do Pará (IAP), realizada em 2009 pelo Grupo Moderno em Cena e Ercy Souza. O tema desenvolvido pela pesquisa foi a sonoridade dos vendedores ambulantes de Belém.

Já “Luz em cena” é  uma pesquisa cênica coordenada por Tarik Coelho em conjunto com a Cia Moderno de dança. ” O objetivo é buscar a interação e sensibilidade do intérprete-criador com a iluminação cênica”, explica Tarik.

Serviço:

Dia 18/04, às 20h

Teatro Universitário Cláudio Barradas

Rua Jerônimo Pimentel, 546 (Esquina com a Dom Romualdo de Seixas)

Ingresso : R$ 10,00 (inteira) e R$5,00(meia).

Para mais informações : (91) 3249-0373 (horário: 14h as 21h)

Texto : Caroline Soares